Tecnologia do Blogger.

Eu tenho e você?


publicado por Vivi Tassi em

32 comentários



Adivinhe quem puder...
Elas chegam sem pedir licença, atormentam nossas vidas, estragam nosso dia, deixam marcas para a eternidade...quem pode nos fazer tanto mal assim? Fácil né meu bem as espinhasssssss. Como diria meu filho, "ni nojo", kkk. Só quem tem pode dizer qual a sensação de estar com o rosto repleto delas.



Depois do meu último post, esse aqui, sobre produtos Avon, percebi que muitas meninas reclamam de acne e espinhas e fiquei preocupada, de verdade, com esse assunto, afinal já sofri muito com isso, antes de descobrir que a causa para tanta perturbação, chateação, vergonha, tinha como causa a Síndrome dos Ovários Policísticos, um dos motivos de acnes e espinhas, assunto em que pretendo me aprofundar mais em outro momento, porque é sério, pouca gente sabe que tem, e além desse problema, pode causar outros como aumento de peso, excesso de pelos etc...

Andei pesquisando na internet e descobri que em primeiro lugar, pra saber as causas da acne na sua pele, você deve marcar uma consulta com um dermatologista, porque elas são as mais variadas como fatores hereditários (existem famílias inteiras de acneicos), desequilíbrio hormonal, ovários, uso de cosméticos (os produtos gordurosos ou oleosos como as bases e cremes hidratantes, por exemplo podem trazer acne até para quem nunca teve este tipo de doença, nem na adolescência.) e medicamentos (como cortisona, os barbitúricos, xaropes à base de iodo ou bromo podem ter efeito colateral e formar a acne.)

A acne é uma doença que não tem cura, mas tem tratamento, e ele varia de acordo com o paciente e o tipo dela. Os mais comuns são à base de antibióticos orais ou tópicos para os casos mais graves, medicamentos que ressecam a pele, peróxido de benzila, vitamina A ácida oral (para casos gravíssimos), entre outros. Além disso, a persistência é tudo em termos de tratamento.



Os principais cuidados para as pessoas portadoras ( falando assim parece uma doença terminal, mas animem-se, não é) de acne são com:
higiene da pele (o mais correto é seguir as instruções do dermatologista que acompanha o tratamento, nesse caso a pele deve receber sabonetes especiais, emulsões ou leites de limpeza específicos)
resistência aos maus hábitos ( não se pode espremer e cutucar cravos e espinhas, as mãos podem estar sujas e contaminá-las, deixando marcas)
uso do sol (ele faz as glândulas sebáceas trabalharem mais, embora muitas pessoas pensem que seu efeito é benéfico)
alimentação (evitar alimentos com muita gordura, iodo e vitamina B12, equilíbrio e moderação são recomendados, o chocolate pode ser ingerido com moderação)
estresse (o nervosismo, a ansiedade e o desânimo, não combinam com uma pele saudável )
limpeza de pele ( essa só deve ser feita por profissional especializados e sob recomendação médica).


Pois é meninas, os tratamentos são longos, mas os resultados satisfatórios, como vocês viram, a persistência deve estar presente, visitem um dermatologista, ou um ginecologista ( foi o meu caso), porque exite vida após as espinhas,mas o mais importante, quando aparecer uma dessas, ou várias na sua pele, nada de "catucar", deixe-as em paz, da maneira que vieram vão embora, agora se isso te incomoda, procure os meios legais para eliminar de vez esse fantasma da sua vida.

Fica a dica!!!











fonte: www.boasaude.uol.com.br

32 comments

  1. Paula Falconi

Deixe um Comentário

Não saia sem comentar. O que você achou do post é muito importante para o aprimoramento do nosso trabalho. Respondemos a todos aqui mesmo, portanto volte sempre, será muito bem-vindo.